Dicas de Webinar

Como definir KPIs para mensurar o sucesso do seu webinar

Gummy
Gummy

KPIs é a sigla para key performance indicators, que nada mais são do que os indicadores de desempenho de uma determinada operação. Em outras palavras, são pontos de análise que comprovam o sucesso ou fracasso de alguma ação organizacional. Mas não pense que essa avaliação é indicada apenas para grandes estratégias. A análise de KPIs tornou-se praticamente indispensável para otimizar o planejamento de futuros webinars e, consequentemente, melhorar resultados.Você sabe como calcular o ROI dos seus webinars? Consegue mensurar dados relacionados a alcance e engajamento dos inscritos? Sabe dizer se o formato e o conteúdo abordados são os indicados para seu público-alvo?A definição dos indicadores que servirão de base para essa avaliação de desempenho deve ser pautada por alguns propósitos básicos indispensáveis em qualquer transmissão:

  • Entregar conteúdo relevante;
  • Aumentar o engajamento do público;
  • Acelerar as levantadas de mão;
  • Identificar possíveis leads qualificados;
  • Reforçar o valor da marca.

Com esses cinco pontos em mente, vamos descobrir algumas maneiras de mensurar o sucesso do seu webinar através da análise de KPIs.

Analise esses KPIs para turbinar seus webinars

#1 Número de inscritos

Um sinal de que você acertou no tema, no convidado ou na divulgação do webinar é a quantidade de pessoas inscritas para acompanhar a transmissão ao vivo. Sabemos que conteúdo, necessidade particular e palestrante são as três questões que mais geram interesse do público para acompanhar um webinar, nessa ordem.Portanto, o número total de registros é um KPI que não pode faltar no relatório de avaliação. Esses índices mostram se o material de divulgação está adequado, se o público-alvo foi definido corretamente e se o assunto era relevante, entre outros.Depois, é preciso verificar se os inscritos realmente compareceram. Afinal, quando garantimos nosso ingresso para um show, a ideia é não perder a oportunidade de estar lá, cara a cara com o ídolo. Se, durante a transmissão, as pessoas começam a deixar a plataforma, é porque alguma coisa está errada.Será que o tema divulgado realmente foi abordado da melhor forma? Talvez o convidado ou o mediador não tenham conseguido levar a conversa por um caminho interessante ou a duração esteja longa demais.Esse KPI também pode indicar falhas relacionadas a páginas de inscrição, envios de lembretes, acesso ao link da transmissão ou e-mail de confirmação. Se os números estiverem abaixo da média, desconfie e reveja suas estratégias!

#2 Nível de engajamento

A participação ativa dos inscritos é um dos principais pontos de avaliação para calcular o sucesso de uma transmissão ao vivo. Conteúdos interessantes fazem com que o público queira saber mais e, consequentemente, interaja mais no bate-papo.Um dos indicadores de desempenho que auxiliam na visão geral do engajamento é o de visualizações da gravação. Tudo bem que o webinar é ao vivo, mas é muito importante disponibilizá-lo depois tanto para os que acompanharam em tempo real quanto para aqueles inscritos que, por algum motivo, não puderam marcar presença no horário marcado.O registro do engajamento do público durante o webinar é mais um KPI que não pode ficar de fora da mensuração. Dentre todos os tópicos abordados, qual será o que gera maior interação das pessoas? E qual foi a segmentação da audiência que mais participou?Prestar atenção a pontos como esses é uma forma de reconhecer possíveis leads para contato posterior, assim como criar materiais que atendam às necessidades de nichos mais específicos.

#3 Pontos de atuação

Identificar novas oportunidades para oferecer conteúdo diferenciado e diversificado é um dos jeitos mais legais de manter o usuário engajado durante o webinar.Além disso, quando você disponibiliza materiais em tempo real durante a transmissão, posteriormente é possível analisar os dados referente ao consumo para nivelar o interesse dos presentes em assuntos específicos. Esse KPI faz com que o seu consumidor forneça insights mais detalhados sobre as próprias necessidades e expectativas, aprofundando um pouco mais as chances de conversão em vendas.Indicadores de desempenho envolvendo o momento pós-webinar também merecem destaque na operação, uma vez que aceleram o processo do cliente na jornada de compra. Contabilizar o número de cliques em um botão call-to-action após o término da transmissão, por exemplo, pode ser uma garantia de que você está conseguindo direcionar seu público para o próximo passo.

#4 Impressão sobre a marca

Por fim, o que será que seus consumidores pensam da marca? Qual é o valor que você entrega a seus clientes? Uma boa forma de verificar essa informação é incluir a mensuração de KPIs relacionados às redes sociais e participação online.Número de retuítes, compartilhamentos, comentários, avaliações e sugestões são indicadores que certamente contribuem para um melhor planejamento dos próximos webinars.Isso pode ser feito tanto com os materiais de divulgação prévios à transmissão quanto com as impressões após a data. Para conseguir medir KPIs de social media, facilite as coisas para os visitantes, colocando links diretos para likes e shares nas páginas de inscrição do respectivo webinar.Fazer webinars de sucesso vai muito além do que simplesmente planejar um roteiro de ação. É imprescindível confirmar se as estratégias estão, de fato, corretas e direcionadas para um público segmentado e qualificado. E é por isso que a mensuração através de KPIs é tão importante para alcançar os objetivos comerciais.

Compartilhar

Conte sua história. Alcance mais pessoas. Amplie seus negócios.

Faça um teste grátis